Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Coisas Boas de Contar

"ao escrever sei esclarecer tudo, os meus pensamentos, os meus ideais, as minhas fantasias." Anne Frank

Coisas Boas de Contar

"ao escrever sei esclarecer tudo, os meus pensamentos, os meus ideais, as minhas fantasias." Anne Frank

Seg | 13.05.19

A Arte de bem cozinhar uma Alheira - Por uma Nortenha em Choque!

Contei

A413D81A-E866-4BC0-A5A1-F5FFA8EFD3E7.jpeg

Cada vez que falam em alheira frita, com batata frita e ovo estrelado, tenho comichão por todo o corpo!!! A verdade é que nunca a comi assim (graças a Deus, pois deve ser uma bomba, de calorias deliciosas (acredito nisso), daquelas de acrescentar duplo queixo, mas às nádegas,)!!! Contudo, como nortenha, que sou, colada a Mirandela, famosa exactamente pelo produto em questão, devo dizer que: as alheiras NÃO se comem assim!!!

 

Eu sei que a frase, acima, poderá ter chocado vários fãs de alheira, contudo uma alheira transmontana (choque número 2) é grelhada!!! Nunca Frita!!! Picamos com uma agulha (para não rebentar) e toca de colocar na grelha (até porque sabemos o que levam... e alheira frita é um atentado à saúde!). Depois acompanhamos com feijão e couves cozidas ou salteadas em azeite e alho (choque número 3).

 

Eu sei que isto não vai mudar a forma como as vão continuar a cozinhar, até porque nós somos a malta que come presunto, chouriço e queijo (como se o mundo fosse acabar amanhã) e depois estamos a reclamar pela forma como, o resto do mundo, come as alheiras!!! 

 

Acho que não é por uma questão de correcto ou errado, que este tema nos é um pouco sensível, mas por uma questão de tradição! 🐸

 

Bom apetite

 

 

3 comentários

  • Imagem de perfil

    Contei

    13.05.19

    Nunca rebentam?
    Esta semana vou testar sem a picar (à moda do norte, claro!)
    Obrigada
  • Imagem de perfil

    Annie

    13.05.19

    Claro que o truque é ir virando com frequência até ficar no ponto. Como a tripa é porosa nunca achei necessidade em furar. 
    Confesso que quando as faço aqui "em baixo" ponho as na frigideira e deixo-as fritar na própria gordurae ficam bem tostadinhas. Mas quando estou em Trás-os-Montes grelho-as nas brasas da lareira. 
  • Comentar:

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.